quinta-feira, 15 de maio de 2014

Streuselkuchen ou Kuca Alemã - Receita Gaúcha





Esta Streuselkuchen ou Kuca é um bolo feito com fermento para pães, recheada com fruta e coberto com uma farofa feita de manteiga, farinha, açúcar e canela. 

Simples de fazer e muito saborosa! 



Uva Isabel, colheita em fevereiro e março. A melhor Kuca é com ela! 




... a cubana Omara Portuondo ... gosto!

 



Streuselkuchen ou Kuca Alemã


Leve ao fogo para esquentar e derreter a manteiga. Espere amornar a temperatura que o dedo suporte: 
Meia xícara de leite
2 colheres de sopa de manteiga

Faça a esponjinha para ativar o fermento. Junte tudo em uma vasilha pequena e misture. Deixe descansar por 10/15 minutos:
1 colher de sopa de fermento biológico seco
2 colheres de sobremesa de açúcar
1/4 de xícara de água morna

Misture em uma vasilha maior e faça um buraco no centro, tipo vulcãozinho: 
2 xícaras de farinha de trigo
Meia xícara de açúcar 

Agora junte o 1 ovo no centro do vulcãozinho, a esponja que ativou o fermento e o leite com a manteiga, aos poucos, agregando tudo com as mãos. A consistência da massa é bem mole. 

Sove um pouco com as mãos, cubra e deixe descansar por 20 minutos. 

Prepare as uvas:
Nesta etapa, pré-aqueça o forno a 300º.
Lave e tire as uvas do ramo, selecione as melhores, deixe secando em uma peneira.

Prepare a farofa da Kuca:
1 xícara de farinha de trigo
1 xícara de açúcar
100 gramas de manteiga sem sal, gelada, em cubos
1 colher de sobremesa de canela ou a gosto

Agregue tudo como uma farofa, até que forme pedaços quando juntar com as mãos.
Mantenha na geladeira até o uso. 

Finalizando, após o descanso da massa:
Unte e enfarinha uma forma. Eu usei uma retangular pequena. 

Acomode toda a massa na forma e distribua as uvas, uma ao lado da outra. Afunde parcialmente as uvas na massa. Deixe um pouco de uvas para usar com a farofa. 

Distribua toda a farofa por cima das uvas e depois, coloque algumas uvas junto com a farofa.  

Leve para assar na grade alta do forno. Após 5 minutos, abaixe a temperatura para 230º e asse até que a farofa fique dourada: 



 Eu gosto da minha Kuca baixinha, para sentir bem a harmonia entre massa/uva/farofa:


A inspiração desta Kuca veio do 'Gastronomismo' - Interessante ver a vídeo receita, especialmente para o ponto da massa e como é feita a farofa. Aproximadamente 3 minutos:




Salute! 

Muitas sabem que a minha estação preferida do ano é o outono! Salve, salve!
Eu me sinto tão bem nesta época, que resolvi voltar a caminhar. 
Não pude deixar de registrar estes instantes que contemplei no trajeto: 

este é o momento do dia que eu mais gosto


o dia estava um pouco nublado




há tantas formas de amizades e boa convivência



cores de outono nas folhas  


 final do dia, já sapecaram muito, agora todos juntos para logo dormir

a luzinha acesa desta casinha me encantou


Bacione! Ciao! 




11 comentários:

  1. Guria,essa cuca é de babar!ADORO!!! Muito bom! E as fotos perfeitas.levei um céu pra lá.Quando publicar aviso! bjs,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu sister!
      Você é danada, advinha o que eu pensei? Mandar um céu para a Chica kkkkkkk
      Beijos querida!

      Excluir
  2. Encantada do começo ao fim. Adorei a kuka claro e as fotos, claro, também !!! O vídeo não abre aqui no seu blog por causa do tablet Maria Glória. Vejo de outra maneira ♡ Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Astrid, esperava você aqui para ver as fotos. Enquanto eu caminhava, eu lembrava de você, pois um dia você me falou para eu caminhar e registrar a beleza dos instantes, lembra?
      Beijão!

      Excluir
  3. Maria Gloria, que delícia de tudo! A kuca, o vídeo, a moça, as fotos. Deve ser deliciosa com qualquer fruta, não?
    Muitas caminhadas lindas para você. O corpo vai agradecer.
    Beijo e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta Kuca é maravilhosa Lucinha. Adorei conhecer este canal, o Gastronomismo, com a Isadora Becker no comando. Já fiz três receitas deles e gostei muito.
      Sim, são muitas as frutas que podemos fazer Kuca.
      Sabe Lucinha, eu andei muito na Itália, pois na maioria das cidades que eu visitei, por conta de serem centros históricos, não entram veículos, exceto das pessoas que moram no centro histórico. Então eu andei muito, muito mesmo e agora o corpo está pedindo este movimento.
      Eu emagreci sim, mesmo contas tantas comidas boas por lá.
      Um beijo e um bom final de semana querida!

      Excluir
  4. Oi, Maria Glória!!
    Que post perfeito, pois além de aguçar o meu paladar, também fez com meu olhar e ouvidos. Não conhecia a música de Omara Portuondo. Muito bom! Sabe que quando vou para a cozinha, também coloco uma boa música para ouvir e se for no final do dia ou semana, uma taça de vinho sempre faz bem/boa companhia. Tim... tim...
    Eu achava que fosse super difícil fazer streuselkuchen - será que era o nome que me assustava? Ou foi você que fez de uma maneira mais fácil. Não tive como saber sobre o recheio de pudim, porque a tia que fazia já faleceu e procurei pela web, mas só achei uma referência em um blogue, mas não explica como é usado o pudim.
    A última foto da sua kuca me pegou de jeito!! :D Aliás todas as fotos estão show!!
    Boas caminhadas pela semana!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho duas receitas de kucas aqui no blog Luma, uma com fermento para bolo, que é da minha mamma e esta, com fermento para pão. Esta é maravilhosa, melhor que a da minha mamma. E não precisa sovar muito, como eu vejo em outras receitas de kuca com fermento para pão.

    Eu pesquisei neste final de semana a sua Kuca da infância e encontrei esta: massa/creme ou pudim cremoso/fruta/farofa; Eu penso que o creme, enquanto assa, fica mais firme, com textura mais aproximada de pudim. Veja aqui neste blog: http://www.omelhorrestaurantedomundo.com/2012/08/cuca-alema-recheada-simplismente.html

    Eu já tenho uma anaconda criada dentro de mim por conta desta sua Kuca Luma kkkkkk. Espero a tua resposta, e a da Quelen - do blog que linkou aqui - pois escrevi perguntando se tem a receita de kuca de pudim de baunilha. A sua kuca da infãncia é parecida com a do blog que eu linkei aqui?

    Eu sou fã de Omara!

    Um beijo Luma!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Maria Glória!
    Kuca Luma, gostei!! (rs*)
    O aspecto da kuca da minha infância é parecido com a sua, com fruta e o pudim baixinho ou talvez seja um creme, porque pudim é gelado :) O link que deixei faz referência ao pudim, mas o aspecto daquela Kuca está escuro... Por que será? :) E vi que a Quelen quis inovar e assou na forma de bolo inglês.
    Pelo link que deixou, parece que basta fazer um pudim de caixinha... Eu não sossego enquanto não fizer a Kuca, Só que não vou achar a uva que usou aqui onde moro...
    + Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que a kuca está escura porque: 1 - quantidade de canela e 2 - deixar mais tempo no forno.
      Eu estou criando aqui como será a 'Kuca Luma' kkkkk que eu vou fazer. E você vai saber!
      Pergunte ao seu quitandeiro na época da uva Isabel (fevereiro e março) se você pode encomendar para ele trazer! Já comprei assim aqui onde moro! Encomendando! Para o momento, poderá fazer com outra fruta.
      Beijos amore e me aguarde!

      Excluir
  7. Aqui onde moro, tem apenas dois grandes hortigranjeiros, mas vou procurar pelos gerentes. Tem também uma feira, mas é nordestina...

    ResponderExcluir