terça-feira, 18 de março de 2014

Streuselkuchen ou Kuca Alemã - Receita da minha Mamma





Streuselkuchen ou Kuca Alemã um é um bolo típico da cozinha alemã, que tem como base uma massa de bolo comum, porém mais firme, mais densa. 
Uvas ou pedaços de frutas, como maçã, banana, pêra, uvas passas, são afundados parcialmente, nesta massa. Portanto a massa não pode ser muito líquida, pois os pedaços de frutas afundariam até a base da forma. 
Depois são cobertas com uma farofa composta de farinha de trigo, açúcar, manteiga e especiarias a gosto.

Algumas Kucas não vão frutas, só a massa e a farofa. Já fiz dessa forma e é igualmente muito saborosa. Importante ressaltar que sem a fruta, a massa não deve dicar muito alta, assim dá-se um bom equilíbrio entre massa e cobertura, excluindo-se a possibilidade de um bolo muito seco! Então, cuidado ao escolher o tamanho da assadeira. 

Esta é uma receita da minha mãe, que aprendeu com uma senhora alemã, ou de família alemã, que chamávamos de Hilda, que veio da região sul do Brasil, antes de chegar a São Paulo. Assim eu lembro da história, talvez nem seja exatamente assim ... são tantos os anos que se passaram! Frequentou muito a minha casa e muitos foram os almoços, cafés e mesas com bolos, focaccias que partilhamos com ela, juntamente com o tio da minha mãe, chamado de Nico. São muitos os anos que resgato agora!  

Eu apenas adaptei a receita para um bolo menor, pois em casa somos em duas pessoas. 


Kuca em casa, então, tinha que ser de uva Isabel. Uma uva bem escura e pequena. 
Fevereiro era o mês que havia Kuca de Uva Isabel em casa. Nos outros meses do ano, se era grande a vontade de Kuca, geralmente era de banana, maça ou pera.
Já fiz também com uva niagara.

Mas nada se compara ao sabor da uva Isabel! Nada, por mais que haja esforço!  



... viajando por memórias antigas ... 




Streuselkuchen ou Kuca Alemã 

1º Prepare as uvas
Lave bem uns dois cachos grandes, destacando delicadamente as uvas do ramo. Coloque numa peneira e deixe secando. As uvas são utilizadas inteiras, com as sementes. 

2º Unte e enfarinhe uma forma 
Eu uso para esta receita uma forma redonda de 24 cm de diâmetro. 
Nesta etapa, ligue o forno para ir aquecendo. 200°.

3º Faça a farofa
1/2 xícara de açúcar 
1/4 xícara de manteiga 
5 colheres de sopa de farinha de trigo
1 colher de chá de canela em pó 
Cravo e noz-moscada em pó a gosto 
Misture tudo com um garfo até formar uma farofa e reserve na geladeira.

4º faça a massa do bolo 
2 xícaras de farinha de trigo  
2 ovos
1/2 xícara de leite 
1/2 xícara de açúcar 
2 colheres de sopa de manteiga derretida (use o microondas, alguns segundos) 
1 colher de sobremesa de fermento em pó 
Baunilha
Não uso batedeira. Bato o bolo com um fouet.
Bata primeiro os ovos com a baunilha para tirar o cheiro de ovo. Junte o açúcar e bata muito bem e depois junte a manteiga e continue batendo. Acrescente o leite e a farinha de trigo e bata. 
Por último acrescente o fermento peneirado e bata ligeiramente. 
Massa deve ficar firme, não muito mole. Dessa forma, as uvas não vão descer para o fundo da forma. A massa firme irá sustentá-las. 

5º Montagem
Despeje toda a massa na forma, que já está untada e enfarinhada.
Coloque as uvas e afunde-as parcialmente na massa, com os dedos. Uso dois cachos bem grandes, aproximadamente. Não afundar as uvas até a base da assadeira.
Agora, distribua toda a farofa sobre as uvas.
Leve ao forno, que já está aquecido. Após 5 minutos, reduza a temperatura para 180°. Aproximadamente 30/40 minutos está pronto. Faça sempre o teste do palito. 


É um bolo muito saboroso e cheio de memórias de infância! 

Um dia, eu estava com muita vontade de Kuca com uva, mas fora do tempo da uva Isabel. Então fiz com uva niagara, pois eu queria com uva ... ai que tristeza!
 kkkkkkkkkk bonitinha vai! 



Salute! Baci! 
Buon Autunno Amici






8 comentários:

  1. O Outono não poderia começar melhor..quero aprender a fazer pois minha avó fazia sempre com maçãs. Uma delícia também..ah!!! Maria Glória você vai me fazer ir para a cozinha....vou fazer e tirar fotos
    Agora tenho que ir que vai chover...afinal está na hora não é?
    Beijão Ana Cara ...amo tu ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi o que eu pensei: uma bela Kuca para começar o outono!
      E eu sabia que você iria gostar!
      Então vamos ao café com Kuca para celebrar o Outono nas nossas vidas! Tchim tchim! Salute!
      Beijos Anam Cara! Amo tu!!!

      Excluir
  2. Hmmmmmmmmmmmmmm...

    Lambi os beiços aqui,rs Isso com um vinhozinho!!! Que beleza!!! beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhhh Chica, um dos bolos que eu mais gosto! Beijinhos!

      Excluir
  3. É o seguinte....essa cor da uva, está de matar e a aparência dá um ultimato!!!

    me faça. faremossssssssssss

    bjs nossos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá minha queridas!
      Eu andei sumida né? Pois é ... agora que o calorão acabou, eu estou mais animada e disposta!
      Então, este bolo é um luxo. Bonito e saboroso!
      Um beijo queridas minhas!

      Excluir
  4. Oi, Maria Glória!
    Como não levar também essa receita?
    Que diferença a aparência de uma uva para outra. Acho que nunca comi uva Isabel!
    Quando faço bolo com frutas, em geral dou uma passada leve na farinha de trigo para elas não irem para o fundo. Achei bem prática a receita e tem jeito de comidinha da mamã :D
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luminha, olá!
      Então, como esta massa é bem firme, nem é preciso a farinha de trigo nas frutas. Não afundam mesmo!
      Se um dia encontrar uva Isabel faça e pense em mim e solte ao vento um SALUT! Tenha certeza que chegará e eu estarei de braços abertos, PRONTA PARA RETRIBUIR!
      É mesmo comida de mamã, como disse!
      Beijokas!

      Excluir